Grêmio rescindiu contrato com atacante que estava emprestado

Contratado no começo do ano passado, o Grêmio pagou – na época – 400 mil euros junto ao PSV, da Holanda, por 70% dos direitos econômicos do jogador. Um ano depois, o site Gremistas, anunciou que a diretoria rescindiu o seu contrato.

O atacante peruano Beto da Silva não é mais jogador do Grêmio. Ele estava emprestado ao time do Argentino Juniors, da Argentina, e seu contrato terminou. A equipe não quis renovar o vínculo e o atleta deve retornar para seu país.

A ideia da diretoria era contar com Beto nas categorias de base do Tricolor e recuperar seu futebol. Mas com a sequência de lesões que sofreu, acabou atuando em somente 13 partidas e marcando somente um gol.

Foto Divulgação

Acabou emprestado à equipe argentina, no começo deste ano, mas também não conseguiu apresentar um bom futebol. Atuou somente em 5 jogos e não balançou as redes.

De acordo com o site Transfermarkt, o atacante peruano, de 21 anos, tem o valor de mercado estimado em 400 mil euros (cerca de R$ 1.76 milhões). Foi revelado pelo Sporting Cristal, do Peru, em 2012 e foi vendido para o PSV, em Janeiro de 2016.

Veja alguns lances de Beto da Silva

Gostou? Compartilhe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *